2 dias no Douro!

Roteiro de 2 dias no Douro! Finalmente fui conhecer a região de vinhos mais famosa de Portugal, talvez do mundo! Considerada Património Mundial, é ali que são produzidos o tradicional vinho do Porto e outros vinhos também. À volta do Rio Douro, a paisagem é deslumbrante: vinhas à perder de vista!

Clique aqui para assistir ao vídeo

Tinha expectativas muito altas em visitar o Douro e ainda assim, me surpreendi. A região é realmente linda e dirigir pelas estradas é uma delícia, dá vontade de parar a cada 500 metros para tirar fotos! rs

Roteiro de 2 dias no Douro

Passei apenas um fim de semana na região e este foi o roteiro que segui para conhecer o Douro em 2 dias:

  • Casa de Mateus – comecei minha viagem nesse palácio do XVII próximo à Vila Real que deve ser um dos lugares mais bonitos que já estive! Dá para visitar a casa por dentro, degustar vinhos e passear pelos jardins e pelas vinhas. Veja mais sobre o Palácio de Mateus neste post.
  • Quinta do Portal – minha primeira hospedagem na região, um enoturismo tradicional e delicioso. Ali pude aproveitar a paisagem rodeada de vinhas, visitar o armazém de vinhos e ter um jantar delicioso. Veja mais sobre o hotel no Douro Quinta do Portal neste post.
  • Pinhão – A grande atração da vila é a estação de comboios (trem) que tem azulejos mostrando a produção de vinho na região. Tem também uma ponte em ferro que foi projetada por Eiffel (sim o mesmo da Torre de Paris)!
  • Quinta da Pacheca – hotel incrível onde passei a minha segunda noite no Douro, dormindo num barril de vinho gigante! Veja mais sobre a Quinta da Pacheca neste post.
  • Peso da Régua – considerada por muitos como a capital do Douro, é ali que fica o Museu do Douro que, infelizmente, não tive tempo de visitar. Tem também uma ponde de ferro e uma ponte tradicional que rendem ótimas fotos!
  • Santuário Nossa Senhora dos Remédios – terminei minha viagem com uma passada rápida em Lamego apenas para visitar este santuário, famoso pelas suas enormes escadarias.

Fiz todo o roteiro de 2 dias no Douro de carro e acho que essa é a melhor opção. Só assim pude parar em vários pontos para admirar a paisagem e tirar muitas fotos! As estradas são boas, apesar de terem muitas curvas e serem estreitas. O trajeto é lindo e cheio de encantos. Pude até ver uma eclusa, pena que não peguei nenhum barco passando por ela…

Aqui o mapa com os pontos que passei durante esta viagem de 2 dias no Douro:

Clique aqui para abrir o mapa do Douro

O Douro tem muito mais o que oferecer, mas como passei apenas dois dias na região, não consegui fazer tudo. Já sei que tenho que voltar!

Na minha próxima visita, quero muito fazer um passeio de barco pelo Rio Douro. São várias opções: desde passeios de 1 hora até cruzeiros de algumas noites. Deve ser incrível navegar pelo Douro com as vinhas sempre te acompanhando!

Uma outra maneira de admirar as belas paisagens da região é através do comboio histórico, que circula apenas em alguns meses por ano.

A região do Douro também tem muitos miradouros, com destaque para: Miradouro do Ujo, São Leonardo da Galafura, Quinta do Noval, Casal de Loivos, São Salvador do Mundo, Fraga do Puio, Rota do Douro. Sim, são muitos miradouros!

Vindimas no Douro

Setembro é considerada época alta no Douro, já que é o mês que acontece as vindimas, a colheita das uvas. Muitas quintas oferecem experiências de vindimas para os visitantes: dá para passar um dia entre as vinhas, colhendo as uvas e até ajudar a pisar as uvas no lagar. O programa varia conforme a quinta que você visitar, mas geralmente inclui a prova dos vinhos produzidos no local.

Eu participei da lagarada (pisa das uvas) na Quinta da Pacheca. Por lá, começamos com uma degustação de 4 vinhos e depois seguimos para o lagar. Todos os participantes recebem de oferta uma camiseta (que tem um desenho exclusivo para cada ano, um ótimo souvenir!). Antes de entrarmos no lagar (a “piscina” onde ficam as uvas para serem pisadas), colocamos a camiseta e um shorts que nos é emprestado. Aí entramos no lagar e começamos o “trabalho”. Pisar as uvas é estranho e divertido ao mesmo tempo. A textura é super esquisita, mas em poucos minutos nos acostumamos!

Ficamos aproximadamente uma hora no lagar, tentando pisar as uvas do jeito certo… Depois tiramos o excesso das uvas das pernas numa mangueira, colocamos nossa roupa de volta e estamos liberados!

Confesso que meus pés ficaram roxos por uns dias depois disso, mesmo eu esfregando bastante no banho… rs Mesmo assim, a lagarada foi uma das experiências mais incríveis que já participei, divertido demais!

Importante ressaltar que a paisagem nas vinhas muda drasticamente entre as estações. Enquanto no verão elas estão bem cheias, no outono elas ganham tons de amarelo, marrom e dourado. Deve ser lindo visitar o Douro nessa época! No inverno, as vinhas são podadas, o que as deixa sem folha nenhuma, apenas com os galhos. As folhas começam a a parecer de volta na primavera. É importante ter isso em mente quando decidir fazer enoturismo, não só no Douro, como em qualquer região, já que muita gente visita vinícolas no inverno e acaba se decepcionando com a paisagem… De qualquer maneira, acho que enoturismo é bom em qualquer época do ano: o vinho está sempre garantido e é sempre uma delícia passear entre as vinhas!

Hotel no Douro

Existem muitas opções de hospedagem na região do Douro: hotéis tradicionais, alojamentos locais, apartamentos e casas… Eu fiquei as duas noites em quintas (fazenda, em pt-pt) e acho que essa é a melhor opção!

Nas quintas é possível ter uma imersão ainda mais a fundo na experiência vínica, seja acordando entre as vinhas ou até mesmo participando das vindimas.

Mesmo que você não fique numa quinta, a maior parte delas está aberta à visitação para não-hóspedes. As experiências vão desde provas de vinho, piquenique entre as vinhas até spas relaxantes. Vale a pena procurar pela experiência que mais te interessa!

Como já disse acima, passei uma noite na Quinta do Portal e outra na Quinta da Pacheca. Bem diferentes um do outro, amei os dois alojamentos da mesma maneira! Aqui você pode ver mais sobre a minha experiência na Quinta do Portal e dormindo num barril de vinho na Quinta da Pacheca.

Neste link você pode ver e reservar outras opções de hotel do Douro.

2 dias no douro portugal
Salve esta imagem no Pinterest!

Se inscreva no meu canal no Youtube para não perder os próximos vídeos e me segue no Instagram @LuliMonteleone para acompanhar as minhas viagens ao vivo!

Reserve seu hotel pelo mundo aqui: http://bit.ly/2lTyOaR e encontre tours pelo mundo aqui http://bit.ly/2JZw4CZ. Usando estes links você não paga nada a mais e me ajuda a viajar mais e trazer ainda mais dicas para cá! ;)

Também pode te interessar...

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Social Media

Vídeos

Instagram

Quem escreve